Pokémon Go: como jogar o game que é febre entre crianças e adultos

Depois de muita expectativa, a onda de caçar monstrinhos chegou no Brasil e na mesma hora virou sucesso entre todas as idades, em especial as crianças. Se você já ouviu muita gente falar sobre o Pokemon GO (a começar pelos pequenos) e mesmo assim não sabe como o game funciona, fique tranquilo: vamos explicar direitinho essa novidade divertidíssima! 

Leia também: aprenda a fazer uma luminária em forma de Pokebola

Pokémon Go: como jogar o game que é febre entre crianças e adultos

COMO BAIXAR O GAME POKÉMON GO?

Desenvolvido pela Nintendo, o jogo é gratuito e pode ser baixado no celular tanto para iOS como para Android.

POKEMÓN GO É DE GRAÇA?

Sim, porém, assim como em games como Candy Crush, dentro do jogo é possível comprar itens que facilitam a vida dos jogadores, como Pokébolas e insensos que atraem monstrinhos. A moeda do jogo é a Poké Coin, mas é opcional adquirí-la!

COMO JOGAR POKÉMON GO?

Pokémon Go: como jogar o game que é febre entre crianças e adultos

O objetivo do game é capturar Pokémons que estão soltinhos pela cidade, usando a realidade aumentada (quando dados virtuais interagem com o mundo real). O GPS do celular mapeia o lugar que o jogador está e identifica os monstrinhos. Se um deles pintar no local, é emitido um alerta e o Pokémon aparece como se estivesse na sua frente, através da câmera do celular. Depois, é só clicar em cima dele e lançar a famosa Pokébola e aprisionar os seres. Após capturar as criaturinhas, você pode treiná-las e participar de batalhas! 

O QUE SÃO POKÉSTOPS:

São lugares indicados no mapa do jogo com a cor azul, geralmente pontos turísticos ou com grande aglomeração. Passando por eles, você recebe novos itens – inclusive PokéBolas.

COMO FUNCIONAM AS BATALHAS?

Pokémon Go: como jogar o game que é febre entre crianças e adultos

As batalhas em Pokémon Go acontecem dentro de ginásios (também indicados no mapa do jogo). Existem três equipes (amarela, vermelha e azul) e você deve escolher qual pertencer. O jogador pode treinar em um ginásio adversário ou defendê-lo. No caso dos rivais, é possível participar de batalhas para reduzir o prestígio do ginásio e conquistá-lo para o seu time.

Para entender melhor, assista o vídeo:

PORQUE É LEGAL?

Diferente de outros games e aplicativos, é um jogo que proporciona uma experiência ao ar livre, que faz com que a família toda explore novos lugares juntos. As crianças vão querer sair para passear pela cidade, conhecer parques e pontos turísticos que antes podiam passar desapercebidos. É também um ótimo exercício de caminhada que podemos aproveitar junto dos pequenos.

DE OLHO NA SEGURANÇA DOS PEQUENOS

Deixar as crianças sairem pelas ruas jogando não é seguro. Elas podem ficar tão concentradas no jogo e não prestarem atenção no que ocorre em volta, correndo risco de acidentes! Por isso, o melhor é jogar em parques e locais sem circulação de carros. É mais divertido e protegido. Também é preciso tomar cuidado nas PokéStops e Ginásios, pontos onde acontecem as batalhas dos monstrinhos e os jogadores recebem bônus. Nestes locais há muita gente com o celular na mão e por isso o perigo de assaltos. Para estar mais seguro, o ideal é sempre sair para jogar em grupos.

NA MEDIDA CERTA DA DIVERSÃO

Tudo em excesso faz mal, não é mesmo? Os pais precisam limitar o tempo que os filhos brincam com a atração (e também dar o exemplo se forem adeptos do jogo)! Também é necessário estabelecer o local que a criança pode jogar, caso ela tenha permissão de sair sozinha. Se tiver muito distraída com o jogo, ela pode acabar se perdendo e não saber voltar para a casa.

É isso aí gente! Agora é hora de colocar em prática suas habilidades de caça!

Boa diversão, brandilindos :)

Via: Bit Blog, Pais e Filhos

Equipe Brandili

Escrito por Equipe Brandili

A Brandili é muito mais do que uma fábrica de roupas, é uma empresa que trabalha com amor, carinho e muita dedicação.

Comente!