Corrente do Amor: voluntários realizam acampamento para crianças sobreviventes de queimaduras

Cada criança que chega ao mundo precisa de cuidado, amor e carinho. E isso pode ser proporcionado por muita gente ao seu redor: pais, irmãos, dindos, avós, amigos, professores. São muitas as pessoas que podem fazer a diferença na vida de uma criança.  Para homenagear e contar histórias de quem se dedica por nossos pequenos, lançamos a Campanha Corrente do Amor. Hoje nós vamos falar sobre pessoas: voluntários que realizam acampamento para crianças sobreviventes de queimaduras.

Corrente do Amor: voluntários realizam acampamento para crianças sobreviventes de queimaduras

Promovido pela BAN (Burn Advocates Network), instituição americana fundada pelo advogado Samuel Davis em parceria com vários profissionais de queimadura, o CAMP SAMBA – Acampamento para Crianças Sobreviventes de Queimaduras do Brasil – foi realizado nos dias 22 a 25 de junho reunindo 40 crianças de vários cantinhos do país.

Ao ver de toda equipe que é formada por voluntários, monitores e os acampamentos são a melhor forma de apoiar os pequenos sobreviventes a aprenderem a lidar com suas novas vidas. Para eles, no decorrer dos 4 dias divertidos, os campistas constroem auto-confiança, fazem novos amigos e deixam as cicatrizes de lado em favor das brincadeiras, jogos de bola, círculos de percussão, aulas de surf e experiências inesquecíveis.

Entre as atividades realizadas no acampamento estão cinema ao ar livre, musicoterapia, banho de piscina com tobogã, show de talentos, banho de lama e até um bate-papo especial com a atleta Maureen Maggi… Momentos únicos em que as crianças que costumam não se expor mostraram seu lado mais brilhante.

Corrente do Amor: voluntários realizam acampamento para crianças sobreviventes de queimadurasCorrente do Amor: voluntários realizam acampamento para crianças sobreviventes de queimadurasCorrente do Amor: voluntários realizam acampamento para crianças sobreviventes de queimaduras Corrente do Amor: voluntários realizam acampamento para crianças sobreviventes de queimaduras

Nas rodas de conversa os pequenos puderam conduzir o papo e foram muitos os agradecimentos. “A Lara, de 6 anos, pediu para começar e disse doces palavras de agradecimento. Depois disso, a Andreia Garcia disse que o acampamento estava mudando sua vida. O Davi falou que se sentia em um tratamento ao ver tantas crianças como ele. Que lindo.”, contou a voluntária Monica Simas de Lima.

Que experiência mais transformadora, né pessoal?

Como disse a voluntária Monica, “a limitação está em quem julga por aparências. Essas crianças são muito maiores que os acidentes que enfrentaram e as marcas que ficaram”. Que essa iniciativa sirva de exemplo para muitas pessoas. Se você quiser ajudar o projeto entre no site do CAMP SAMBA e saiba como. Além dessa história, muitas outras fazem parte da Corrente do Amor. Leia também:

>> Médico toca ukelelê para alegrar seus pequenos pacientes

>> Menino doa toda sua coleção de gibis para que outras crianças pudessem ler

>> Aposentada doméstica alimenta 230 crianças todos os dias em favela de SP

E você?

Tem também uma história inspiradora para dividir com a gente? É bem fácil, olha: Passo 1: pense na história de alguém que tem amor pela criança; Passo 2: poste essa história nas redes sociais da Brandili com a #CorrentedoAmorBrandili ou aqui nos comentários do blog; Passo 3: pronto, você já está participando! As histórias mais emocionantes serão transformadas em animações, que serão exibidas em todo o Brasil.

Esperamos contar com a sua história aqui, quanto mais pessoas maior será a corrente do amor <3

Imagens e informações: Razões Para Acreditar 

Equipe Brandili

Escrito por Equipe Brandili

A Brandili é muito mais do que uma fábrica de roupas, é uma empresa que trabalha com amor, carinho e muita dedicação.

Comente!